Neo City Uol

O que aconteceu após o golpe militar de 17 anos atrás...


    Catedral de Arthrahasis

    Compartilhe
    avatar
    Dr. Dimitri Boskonovitch

    Mensagens : 38
    Data de inscrição : 05/11/2015
    Idade : 29

    Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Dr. Dimitri Boskonovitch em Ter Nov 17, 2015 9:17 pm

    O alemão mantinha-se sério, conforme abria um pouco mais a porta para passarem. Entraria na frente, como forma de colocar-se em perigo primeiro. Parecia ter ouvido a garota falar a si própria, ao que responderia, sem olhar para trás.

    -Teu outro eu parece ter de fato grandes habilidades...mas foi a ti quem pedi ajuda, e confio em tua capacidade....deverias confiar mais em ti mesma, como eu o faço; sei que podes mais do que crê ser capaz...

    Disse, de forma extremamente séria, mas com um tom discreto de incentivo a ela mesma. Apesar do tom de voz parecer muito informal e seco, as razões por trás dela pareciam demonstrar uma preocupação e bondade reconfortantes, como se fosse realmente alguem em quem se pudesse apoiar ou confiar, muito embora ela apenas o conhecesse a instantes.

    A catedral sofrera enormes mudanças; estava muito menor, com menos bancos/cadeiras, com um visual mais moderno, incluindo ate mesmo ar condicionado e lampadas elétricas, embora há muito tempo estragadas. Onde antigamente haviam tumulos no chão, agora um chão decorado com pedras escuras decorava o ambiente. O local preciso onde haviam as tumbas 152 e 153, se seguindo precisamente a distancia e comparando-as, levaria a uma espécie de torre central da catedral, por onde começava a subir uma escada em espiral que daria várias voltas. A porta estava trancada, mas como havia um grande buraco na parede, era possivel passar por ali. O rapaz esgueirou-se para entrar, tomando cuidado com as escadas - eram de madeira, e com toda aquela destruição, muitas não estavam em seus melhores dias, e poderiam cair a qualquer momento.
    avatar
    Nova-Kinetic

    Mensagens : 99
    Data de inscrição : 16/10/2015
    Idade : 29
    Localização : NeoCity

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Nova-Kinetic em Qui Nov 19, 2015 11:43 am

    Nova olhava para ele e sorria de leve observando cada pedaço da catedral. Deus nanorobos ficavam ativos percorrendo todo o local em busca de ameaças que pudessem ferir os dois jovens.

    -Não, pelo contrário eu possuo habilidades únicas que Kinetic não possue e eu confio em minhas habilidades, porém assim como eu ela também possue habilidades únicas. Hum parece que havia algo aqui que não queriam que fosse encontrado. Sinto por lhe trazer aqui deve ter muitas lembranças.

    Seguia logo atrás do rapaz com cuidado segurando na mão dele para passar pela parede pisando com cuidado para não cair. Afinal de contas ela não tinha telecinese naquele momento.

    - agora que sabes que o mundo está meio louco o que irá fazer?
    avatar
    Dr. Dimitri Boskonovitch

    Mensagens : 38
    Data de inscrição : 05/11/2015
    Idade : 29

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Dr. Dimitri Boskonovitch em Qui Nov 19, 2015 3:45 pm

    Os robos detectariam criaturas menores como ratos mutantes, do tamanho de cães de porte pequeno-médio, alguns morcegos vampiros morto-vivos dormindo tranquilamente, e um ou outro Imp ocasionalmente cutucando alguns destroços com pequenos tridentes, mas que logo se assustavam com a presença dos robos e se afastavam. Era criaturas pequenas que poderiam causar problemas a humanos indefesos ou crianças, mas que provavelmente nao tinham muita chance contra aqueles dois. O rapaz segurou-lhe a mão e estendeu o braço com a outra, como num gesto de cavalheirismo que a convidava para entrar, que praticamente ja ninguem mais fazia desde séculos.

    -não há problema...muitas destas lembranças armazenam-se em confins de minha memória, locais restritos a meu acesso, receio. Mas muito há de novo por aqui, que tenho certeza jamais lembraria-me.

    O alemão andava à frente, com cautela, ainda sem soltar a mão da garota, como se a guiasse. Um pilar central de pedra havia se despedaçado a apenas alguns metros de descida, deixando um enorme e perigoso vão no centro daquela torre, que agora permitia uma visão de tudo ali para baixo, e a quantidade de escadas que ainda haviam adiante.

    -O que farei? não sei ao certo...mas não vejo motivo para desistir de minha cruzada; ainda que meus esforços sejam pequenos visto o tamanho do problema, farei de todo possivel para ver esta terra profana livre da presença de tanto caos...

    A mão era apertada o suficiente para lhe conferir segurança, mas não apertada o bastante para doer-lhe a mão. Seguia subindo as escadas em espiral, o som da madeira rangendo a cada passo. Subitamente aconteceu o inevitável; a madeira que lhe sustentava cedeu diante do peso de ambos, fazendo com que Friedrich começasse a cair em queda livre, e acabava por puxar a garota junto. Puxou-a rapidamente, segurando-a contra o corpo numa espécie de abraço com um dos braços, enquanto dezenas de lanças e espadas diferentes eram materializadas, cravando nas paredes de pedra, reduzindo a velocidade a cada metro de descida. E a cada vez que caía, tridentes, foices, alabardas, martelos, e toda variedade de armamentos era invocado contra as paredes para desacelera-lo. QUando o chão estava perto o suficiente, o rapaz aterrisou, e finalmente soltaria Nova. Os olhos brilhavam naquele tom arroxeado numa frequencia maior; aquilo dentro dele estava nitidamente despertando a cada instante.Levou a mão aos olhos e testa, como se uma dor de cabeça lhe viesse, a se julgar pela pequena careta.

    -Eu....não sabia que eram tantas... - ele falava, um pouco surpreso. O que estava dentro de si provavelmente matara centenas de seres, pelo visto era algo muito, muito antigo.
    avatar
    Nova-Kinetic

    Mensagens : 99
    Data de inscrição : 16/10/2015
    Idade : 29
    Localização : NeoCity

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Nova-Kinetic em Dom Nov 22, 2015 11:18 am

    *Nova segurava a mão dele enquanto passava pelo buraco. Ele era gentil e cortês e protetor. E nova não sabia exatamente como se sentir. Afrontada por talvez ele pensar que ela era mais fraca e precisava de proteção, ou feliz por ter alguém que se preocupava com ela. ouvia a resposta para sua pergunta enquanto seuia com ele*

    _ Talvez possa vir até onde estou...talvez....precisaria pedir permissão....mas se não te aceitarem não há o que fazer eu posso....

    *Olhando ao redor e antes que pudesse completar a frase sentiu o solo ceder e seu pensamento foi rapido em lançar um arpão para se segurarem, porém o jovem foi mais rapido enquanto a abraçou com força protegendo-a enquanto conjurava várias armas para irem lhes freando. Ela abraçava ele para ajudá-lo na descida enquanto sentia as conjurações, dezenas, centenas, de armas Nova olhava impressionada e finalmente chegavam no chão. Ele a soltava e ela levava a mão no peito. Seu coraão batia com alguma frequencia acelerada olhando para ele notando que não parecia bem.*

    _...Gilgamesh....

    *Nova ia até ele nevagar acalmando-o colocando a cabeça no peito dele para escutar o coração levando uma mão até a mão dele na cabeça respirando fundo enquanto pensava:

    """" E se Gilgamesh acordar...e se ele não for bom....e se ele quiser me matar...ou pior...e se a existencia de Friedrich desaparecer...?!""" "" A...por...que estou me importando com isso...por...por que eu estou preocupada com um ser humano...e...principalmente alguém que eu mal conheci...o que é este sentimento?....""

    *Nova ficava com a cabeça por um bom tempo no peito do rapaz até perceber o que estava fazendo a afastava-se nitidamente corada pigarreando e ajeitando os óculos enquanto arrumava a roupa batendo a poeira*

    _ Sim...parece que...quem quer que esteja com você é forte....e antigo...evite por hora usar sua magia...deixa que eu cuido das coisas...e...*mexia em uma mecha dos cabelos* Obrigada por me ajudar mesmo que eu não precisasse.*corava olhando para o lado e respirando fundo dando um tapa no proprio  rosto com as duas mãos virando-se para ele*

    _ Você agora quieto e parado vou ver se você machucou com a queda....e venha aqui....você parece estar com dor...

    *Nova puxava o rapaz para perto dela e fazia - o se ajoelhar enquanto levava a mão até a cabeça do rapaz. Por dentro os nano roboz que estavam ainda no corpo do rapaz começavam a fazer qualquer reparo mínimo necessário, afinal de contas nova não estava completamente com energia, e não havia dormido a peelo menos 1 semana, e este começava a ser o máximo que aguentava. Ela respirava fundo olhando-o de cima para baixo tocando o rosto dele com as duas mãos enquanto erguia o o mesmo para olhá-la com cuiudado e gentileza. Ela abria os lábios enquanto seus cabelos começavam a brilhar voando um pouco por conta da energia. Nova tinha a habilidade de cura e era esta que estava usando. Os lábios de nova começavam a entoar um canto baixo, porém talvez pela localização faria um efeito de eco porém baixo. Uma canção de cura. A energia passava de Nova envolvendo o jovem Friedrich uma energia cinza e branca envolvendo-os como ondas do mar. Cada ferimento aos poucos ia sendo curado com certa dificuldade. primeiro o sangue seria estancado retornando para o ferimento e parando de sangrar, após isso a pele começava a se fechar pouco a pouco. Hematomas começariam a diminuir a extensão e a coloração. A cabeça de Friedrich começaria a aliviar, a parar de dor aos poucos. Nova fazia o uso de seus nano robos e de sua energia e magia de cura. Sabia que não estava forte o suficiente para ajudar muito então teria que usar os dois ao mesmo tempo. E ela aguentaria até saber que o jovem estava bem.*

    (Música de Nova https://www.youtube.com/watch?v=Rba15T7_J6k )
    avatar
    Dr. Dimitri Boskonovitch

    Mensagens : 38
    Data de inscrição : 05/11/2015
    Idade : 29

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Dr. Dimitri Boskonovitch em Seg Nov 23, 2015 4:26 pm

    Não pareceu compreender o porque do rubor da garota; afinal, suas intenções não foram maliciosas; queria realmente protegê-la, embora ja tivesse demonstrado anteriormente suas capacidades. Teria ela imaginado que, de alguma forma, tentara se aproveitar da situação? Que....constrangedor! Mas, olhando suas feições e formas, não podia deixar de imaginá-la novamente ali, contra seu proprio corpo, abraçada. Ruborizou discretamente, cerrando os olhos e dando uma pequena tosse seca, procurando dissimular a vergonha momentanea.

    E de fato, parecia haver alguns danos internos, cronicos. Haviam algumas microfraturas no corpo, como joelho, calcaneo, tibia, fibula - provavelmente do impacto ao cair no chão, de saltar para matar o demonio....ainda que tivesse uma entidade dentro de si, seu corpo ainda era humano, e nao sabia magias para atenuar a queda, impacto, ou coisas do tipo. Apenas não demonstrava as dores que estava sentindo, o preço que estava pagando por ter aquilo dentro de si. E ficava observando a magia, aqueles seres se deslocando dentro de si, causando aquele alivio...sua cabeça que latejava tanto parecia mais leve; as pulsações roxas em seus olhos pareciam se acalmar. Piscou algumas vezes, parecendo perplexo com tudo aquilo.

    -De fato não és uma bruxa. Pareceis agora tal qual uma formosa fada, a reluzir o encanto de auroras boreais em tua fronte! - o rapaz dizia, com a mesma expressão séria, mas um olhar ligeiramente abobado, pueril, o qual logo desviou, ligeiramente envergonhado.

    -Obrigado por me ajudar....mesmo que eu não precisasse. - ele dizia ainda sério, mas era possível notar no discretissimo sorriso que estava brincando, imitando a garota. Tinha a personalidade naturalmente séria e quase inexpressiva, mas pouco a pouco Nova veria as sutilezas de cada gesto dele. Tomou-lhe a mão, baixando levemente a cabeça, dando um singelo beijo no dorso de sua mão, num sinal sincero de agradecimento. Em sua época eram gestos comuns, de cavalheirismo; nos tempos atuais, seriam facilmente vistos como gestos de um romantico muito educado.

    Logo observou ao redor; haviam algumas trepadeiras subindo pelas paredes daquela torre subterrânea. As janelas haviam sido completamente tomadas por uma vegetação. Talvez tudo aquilo fosse efeito de ter deixado a cidade entregue à natureza por tanto tempo? ali no fundo daquela torre, havia um corredor cujas janelas também eram tomadas pela natureza. O corredor parecia ter sido um dia escondido por trás das pedras da torre, como uma espécie de sala secreta, mas rochas ali no chão cortadas nos mais variados ângulos demonstravam que algo recente as havia retirado do caminho, e revelado aquela sala. O rapaz apontou para frente.

    -É ali. Onde despertei...

    De onde estavam, Nova poderia ver um salão no meio no fim do corredor. Luz parecia vir de cima, iluminando uma espécie de sarcófago, uma tumba, ou algo do tipo de pedra, e várias inscrições nas paredes. Mas precisaria ver de perto para averiguar melhor; muitas plantas e folhas cobriam a grande maioria dos objetos e paredes dali.
    avatar
    Nova-Kinetic

    Mensagens : 99
    Data de inscrição : 16/10/2015
    Idade : 29
    Localização : NeoCity

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Nova-Kinetic em Seg Nov 23, 2015 4:47 pm

    Nova terminava seu cântico enquanto parava de brilhar por hora respirando fundo buscando energias para continuar de pé. Estava cansada, exausta para ser mais precisa. A recuperação da jovem vampira era o que estava mantendo-a ainda de pé, caso contrário já teria desabado de cansaço físico e mental. Talvez não parecesse para os demais, mas trocar as personalidades exigia sim um esforço e era exaustivo, muito algumas vezes. Ouvia o elogio para com sua pessoa e tão logo e via virando o rosto e ela o notava ruborisas também. Aquilo estava muito confuso para nova Ela não entendia aqueles sentimentos. A dententora dos sentimentos e coisas relacionadas a aproximações de outros seres era Kinetic, nova era a jovem cientísta gênio que amava máquinas. Sentia sua mão sendo tomada e os lábios do rapaz tocando sua mão. Uma onda de arrepio correu por seu corpo enquanto se via naquela cena tão "estranha" para ela. com a luz parca iluminando aquela antiga catedral aos destroços e as trepadeiras verdes a cobrir o local ela olhava para ele ruborizando de leve. Seu coração palpitava e ela enviava nanorobos para checarem se estava tudo certo. E esta apenas com um aumento de sua pressão sanguínea.


    _Deve...ser o cansaço..._

    *falava baixo enquanto aguardava e puxava a mao para si mesma e notava o local em que foi beijado pigarreando e levando a mão no óculos virando de costas. Olhando o local onde o mesmo havia despertado. O que iriam descobrir alí? O que iriam ver alí....o que aconteceria caso se aproximassem... Nova estava pela primeirta vez em muitos anos preocupada com um Humano...*

    _...vamos seguir mas antes...quero que fique algo gravado em sua mente e que fique gravado no que chama de coração..._

    *Olhava para o rapaz séria pegando a cabeça dele e puxando-a até os lábios beijando suavemente sua testa e depois dava um soco no braço dele de leve*

    _ Esta sensação é sua, este corpo é seu....ele pode ser dividido...porém nunca tomado....apenas....pense nisso e nesta sensação em sua derme e entenda estas palavras. Então o que quer que descubramos saiba que o corpo pertence a você...o que quer que esteja dentro é um convidado...não o dono....diferente de mim....onde nós duas somos as donas...Gilgamesh é seu convidado...que isso fique claro..

    *olhava nos olhos dele e virando-se indo até a tumba aproximando-se devagar movimentando a mão reunindo os nanorobos ao redor dos dois tanto os de espionagem quanto os de proteçao andando com cuidado.*

    _ Vamos...ou quer que eu te carregue?...

    *Chamava-o dando um sorrido de lado. O que também não era normal. Nova era mais apática porém sorrira de leve.

    ( Música cute de fundo da cena kawaii que logo sera interrompida por sangue e morte *O* Se não for tudo bem XD mas seria legal ver a nova virando mosntro assassino ohohohoh
    https://www.youtube.com/watch?v=5V535RoDNCQ )
    avatar
    Dr. Dimitri Boskonovitch

    Mensagens : 38
    Data de inscrição : 05/11/2015
    Idade : 29

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Dr. Dimitri Boskonovitch em Seg Nov 23, 2015 7:22 pm

    -....Gilgamesh? E como sabeis que se chama assim, e não Yaweh, o nome do Santíssimo?

    O rapaz perguntava; era a primeira vez que ouvia falar aquele nome. Olhava os gestos da garota um tanto confuso; não entendia o que significava um beijo na testa seguido de um soco; talvez fosse um gesto comum daqueles novos tempos? Ou quem sabe fosse um cumprimento? Sem querer parecer descortês, fazia o mesmo, retribuindo o beijo na testa da garota e também dando-lhe um soco no braço, com a mesma expressão confusa. Novamente, era uma cena divertida, que exibia o quanto aquele rapaz era quase uma criança naquele novo século.E respondeu, sério, mas com um sutilíssimo sorriso.

    -Não preciso ser carregado; damas é que devem ser carregadas por cavalheiros, e não o contrário...

    -E....O que queres dizer com convidado?...como....uma possessão?


    O pensamento de uma possessão era visto como extremamente negativo aos olhos do rapaz, e por um momento seria possível ver como aquilo poderia chocá-lo, caso a garota confirmasse sua hipótese.

    Dentro da tumba/sarcófago haviam apenas trajes de sacerdote, do século XIX provavelmente pertencentes ao rapaz, e uma urna antiga de barro, vazia. Nas paredes haviam várias inscrições em um idioma estranho - sumério - mas que com muita boa vontade e um conhecimento extenso em hungaro, basco e etrusco talvez fosse possivel entender algumas palavras. A lingua havia sido esquecida desde o século XIX; seria apenas uma coincidencia?

    Os nanorobos detectariam em uma das paredes o que parecia ser uma placa metálica, com um circuito interno. Algo completamente inexistente na época da fundação daquilo, o que tornava o lugar ainda mais estranho. No topo daquela sala, havia uma enorme abóbada de vidro, colorido em mosaico. O vidro, como se sabe, é na verdade um líquido que leva muito tempo para escoar; o fato daquele vidro demonstrar sinais de tal escoamento apenas era um indicio de que estava ali a realmente muito, muito tempo. Estava despedaçado em muitos pontos, mas a armação metálica poderia demonstrar bem a figura original. Parecia haver uma cena com exércitos segurando lanças e espadas, orando para uma figura de muitos braços, segurando em cada um uma arma diferente, uma espécie de deidade antiga, provavelmente não mais venerada a muitos séculos. Dali tambem era possivel notar a rica flora que parecia circundar a abóbada; a cada passo que davam adentro daquela catedral, na verdade pareciam entrar mais e mais numa região dominada por muitas plantas.
    avatar
    Nova-Kinetic

    Mensagens : 99
    Data de inscrição : 16/10/2015
    Idade : 29
    Localização : NeoCity

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Nova-Kinetic em Seg Nov 23, 2015 7:45 pm

    ...Não é que eu saiba o nome dele, eu apenas apelidei ele desta forma.. ...não é uma posessão, você talvez esteja sendo usado como um receptáculo sagrado para um ser superior....não tenho certeza ainda....

    *seguia com ele notando as inscrições alguns flashs apareciam na mente de Nova, um homem de cabelos brancos e longos e seus olhos azuis tão claros quanto o céu imediatamente os cabelos de nova começavam a mudar de cor ficando esverdeados enquanto ela colocava a mão na cabeça Nova tinha os olhos verdes assim como os cabelos balançando-os calmamente*

    _ ehh...oi como vai? De novo imagino eu....ahahahhaa o que eu quis dizer ou ela quis dizer no caso é que apenas não deixe de ser você caso essa coisa aí despertar ok?... olha se não quiser confundir nós duas me chama de Kinetic, talvez seja ais fácil assim...imagino eu.

    *Piscava os olhos sorrindo gentilmente flutuando de leve até ele e logo indo até as inscrições*


    _Metal...? existe um circuito de metal alí... Muito antiga hummm isto é tão tãaaao antigo! As inscrições são bem antigas... lembro de algumas coisas....de onde mesmo?....Onde eu aprendi sobre is..ai aiaiia cabeça cabeça!...ok ok .

    *Colocava a mão na cabeça sentindo uma fincada e respirando fundo olhando para o teto e olhando as inscrições...*

    _ Parece uma deidade....ok não importa onde eu aprendi se eu aprendi depois eu descubro como...fiuuu que coisa.

    *começando a traduzir o que conseguia*
    avatar
    Dr. Dimitri Boskonovitch

    Mensagens : 38
    Data de inscrição : 05/11/2015
    Idade : 29

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Dr. Dimitri Boskonovitch em Seg Nov 23, 2015 8:11 pm

    -Uma deidade...receptáculo sagrado...então, sou como um apóstolo do Deus vivo!?

    O rapaz falava, claramente empolgado, apesar da expressão sempre séria. Aquilo seria o ápice da felicidade para qualquer padre. E, tolamente, abria os braços, olhando ao redor. Era como se ignorasse completamente a advertência de Kinetic.

    -Meu propósito maior é servir ao Senhor, faça de mim teu receptáculo, e derrama bênçãos sobre este mundo maculado!

    Quase que imediatamente, os olhos começavam a vibrar naquele tom arroxeado novamente, levando a mão imediatamente à testa, como se a dor de cabeça voltasse. Como podia ser tão idiota em nome de sua religiao? Talvez humanos realmente estivessem fadados ao fracasso, por sua fé cega.

    Kinetic poderia ler várias passagens, embora muitas estivessem apagadas pelo tempo e pela infiltração das plantas e intempéries.

    "Gilgamesh, filho de Lugalbanda e da deusa Ninsuna.....companheiro de Enkidu.........derrotou Humababa e o touro celestial......busca imortalidade....planta sob o mar....roubado pela serpente....ressucitará a cada mil anos em nova carne em tempos de guerra"

    As outras palavras pareciam ser incompreensiveis, mas pelo contexto daquilo, não parecia que Friedrich fora possuido. Era como se ele fosse uma espécie de reencarnação daquele ser...então, Fried realmente tinha uma personalidade e uma vida propria, ou seria apenas uma continuidade do esquecido semi-deus? E se aquilo fosse de fato verdade, seria possivel separar uma existencia de outra, sendo ambos a mesma entidade? E porque sua aura era humana, e o que o jarro com a poeira tinha a ver com tudo aquilo? As paredes criavam mais perguntas do que davam respostas. Por sorte, o rapaz nao parecia ser capaz de ler aquilo. Ficaria espantado se soubesse da possibilidade de sua existencia nem sequer existir, a possibilidade de nao ser nada mais do que uma subconsciencia de um ser antiquissimo.

    O circuito metalico parecia estar abandonado, mas tinha alguns fios e um teclado desativado, como que para inserir uma senha. Os botoes estariam até mesmo desgastados, empoeirados e um tanto enferrujados, caso ela tentasse mexer naquilo.
    avatar
    Nova-Kinetic

    Mensagens : 99
    Data de inscrição : 16/10/2015
    Idade : 29
    Localização : NeoCity

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Nova-Kinetic em Seg Nov 23, 2015 9:37 pm

    __Como você pode ser tão estúpido e se jogar em um penhasco que você mal sabe se tem fundo? E por acaso se esse Deus resolver que você deve ir para o céu e ficar com seu corpo? Como o Humano pode ser tão tapado...como ainda não foram extintos por sua estupidez tem que ter uma explicação...na..na naão não não ..para de falar isso ai...já deu merda...


    *Olhando o rapaz profereir as palavras de aceitação do ser que estava dentro dele Kinetic aproximava-se dele puxando-o contra si*

    _Já pensou se esse Deus não gostar de nós, da Nova e resolver atacá-la...já pensou se ele resolver matar a nós duas por acaso passou isso por sua cabeça...eu disse um deus e não O DEus pode ser uma deidade que você não sabe de nada sobre! e pelo visto o seu pessoal não era muito fã dele né....se essa coisa estava dentro de um jarro escondido! Argh que...olha escuta a linda salvadora aqui ok...não invoca O Gilgamesh não deixa analisar primeiro a situação antes de ficar aceitando qualquer coisa...


    *Saia resmungando e olhando para ele fazendo sinal com a mão de que estava vigiando ele enquanto ia mexer nos botões vendo que eles eram antigos. Tentando ver se conseguia tirar algo um cd, um dvd, um chip qualquer coisa que tivesse informações para Nova analisar depois. E como ela agora estava dormindo pelo pequeno incidente não poderia fazer muito. Tentava hackear no sistema para verificar mais informações sobre aquele lugar.*

    _ A nova te acha interessante então seria legal você ficar perto dela por mais tempo sabe como é a pequena não tem muitos amigos garota reclusa meio nerd...não me entenda mal eu adoro ela...afinal de contas estou com ela mas ...meeehh....sabe ela precisa de alguém para conversar e você parece ter chamado a atenção dela....então para de chamar e despertar este Deus...u.u ou eu punirei você em nome da...minha justiça Hihi ..

    *Piscava sorrindo tentando ser gentil e amigavel*
    avatar
    Tetsuya Kitsune

    Mensagens : 237
    Data de inscrição : 16/10/2015
    Idade : 29
    Localização : ViolentoLand

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Tetsuya Kitsune em Ter Nov 24, 2015 9:04 am

    -Gilgamesh!? Eu não adorarei outros deuses nem falsos profetas! O Senhor é um só, o Deus da Abraão, de Moisés e de Davi, o criador do universo! Não serei arauto de um deus herege! Não exercerei tal idolatria profana, tens minha palavra!!

    Ele falava, visivelmente perplexo. Aquilo feria seu amor próprio, suas convicções sobre as quais crescera aprendendo, sobre tudo. Podia lidar com um mundo pós-apocaliptico, mas nao parecia aceitar bem a idéia de um segundo deus, por mais esquecido que fosse, principalmente dentro de si. Além disso, mencionava o risco para ela e para Nova; de fato nao podia arriscar suas vidas, e tampouco iria clamar mais por aquele Deus. Mas o rapaz estava visivelmente perturbado, um pouco exaltado.Era uma pessoa realmente....complexa de se lidar. Agora parecia ajoelhar onde estava, erguendo os braços. Invocava seu proprio Deus, católico,e portanto nao parecia reagir como antes. Era só um padre rezando.

    -Ó senhor, eu lhe rogo; cubra-me com tua glória, enviai dos céus o Espirito Santo para que purifique meu corpo desta entidade que ousa desafiar teu santo reino! Pater noster que es in caelis, sanctificetur nomen tuum...

    E ele ficaria ali, orando o pai nosso em latim. Kinetic notaria que se tratava de um sistema de identificação, que era ativado. Pareciam haver duas entradas para chips naquela parede metálica. Uma voz robótica começava a falar:

    "-Projeto Virus Delta ativado; favor inserir os dois chips da tríade. Tentativa de acesso manual falho; usuário não identificado. Favor inserir os dois chips do projeto. Tentativa de acesso remoto mal-sucedido. Favor inserir os dois chips do projeto. Tentativa de acesso mal-sucedida." - e assim, a parede ia repetindo a mesma frase várias vezes, a cada vez que a garota tentava hackear o sistema. O codigo de acesso provavelmente estaria dentro dos tais dois chips, sem os quais aquela porta realmente não abriria. Fried ouvia aquela voz, imaginando se tratar de uma voz celestial - afinal, nao havia ninguem ali alem dos dois, e a voz era claramente de uma terceira pessoa.

    -Ó senhor, tu comunicas com teu servo? Não compreendo tua mensagem! O que queres de mim, Senhor?

    Ele falava, ouvindo as frases sendo repetidas.

    -Como sublevarei meu espirito para transpassar tal acesso mal-sucedido ao teu reino? Onde queres que insira teu santo chip, e onde poderei encontrá-los? envia-me teus anjos ó Deus, para que me guiem pelo caminho da retidão!

    E reabria os braços, olhando para a luz dos primeiros raios solares que passavam pela abóbada quebrada de vidro, e iluminava discretamente o lugar.
    avatar
    Nova-Kinetic

    Mensagens : 99
    Data de inscrição : 16/10/2015
    Idade : 29
    Localização : NeoCity

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Nova-Kinetic em Ter Nov 24, 2015 9:57 am

    Er.... Eu realmente preciso ter muita paciência com esse tipo de coisa auaí.... Bom ok ok se está prometendo isso é tão se contenha com seu próprio deus por mais que isso né pareça estranho.

    *suspirava vendo que não era bem sucedida na invasão e olhava para o carinha achando que era Deus falando com ele. Procurava na internet sobre o vírus delta começava a procurar informações hackeando de maneir básica os sistemas pois ela em si não tinha muita noção. E começava a procurar pelo lugar.*

    - Ok ele quer que você procure o chip isso aqui é um chip _

    * projetava o chip holograficamente para ele ver como a coisa era*

    _ faça então a vontade de seu deus e ache isto que eu vou ajudar também. Seu Deus conta com você!-

    *Kinetic sorria enquanto começava a escanear o local por coisas metálicas baixa do seu visor enquanto To mandava os nanorobos procurarem tambem*

    - Go go coisinhas fofas ajudem sua salvadora hehe_
    avatar
    Axle The Red

    Mensagens : 152
    Data de inscrição : 16/10/2015

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Axle The Red em Qua Nov 25, 2015 7:24 am

    Em seu voo involuntario Axle fez a unica coisa disponivel: revelar a disposição da cidade no atual estado. A primeira coisa que viu foi o fraco brilho que vinha do horizonte, e mesmo fraco era mais poderoso que todas as iluminações criadas na Terra. O sol finalmente começava a nascer, expulsando de sua presença as criaturas nascidas nas trevas, trazendo calor para os seres vivos e alimento para as plantas. Vislumbrou então as barricadas que mantinham pelo menos o centro da cidade parcialmente seguro, permitindo que os moradores sobrevivessem ali. Era a isso que os humanos tinham sido reduzidos, ratos escondidos em tocas ao redor de serpentes. Ali havia chegado uma nova idade das trevas.

    Achou curioso que uma mansão ainda estivesse de pé, incluindo até mesmo um helicoptero. Pela situação de ambos, soube que estavam plenamente utilizados. Resquicios de um mundo antes da tragedia. Voltou sua atenção ao lugar de onde tinha saido, o beco onde tinham sido arrastados a força e a boate. Devia estar sob uma maldição. Qualquer portal que atravessava o levava para um lugar pior.

    Sem ter capacidade de voar, tudo o que podia fazer agora era se preparar para a queda. Mesmo para um reploid uma queda daquela altura seria devastadora. Ia de encontro a uma cupula de vidro que adornava o teto de uma catedral tomada pela força de enormes troncos e raizes. Em meio a tudo aquilo uma coisa boa acontecia: as plantas estavam livres para crescer sem a interferencia humana. Um pensamento rapido que trouxe saudades de seu passado

    Axle dobrou-se sobre si mesmo, curvando a coluna e abraçando as pernas em um giro que o posicionou da melhor maneira para a queda, de pé. O vidro infelizmente pouco faria para absorver a velocidade. Quando atravessou a abobada, uma chuva de fragmentos coloridos se espalhou em seu interior seguido do som estridente do estilhaçar. Tocou o solo primeiro com a ponta dos pés, amortecendo uma fração de segundos a força arrasadora que agia sobre o reploid. Seu joelhos se flexionaram, assim como toda a perna, jogando os ombros para frente. Seguiu rolando sem parar até atravessar a parede logo a frente. Seria a estrutura da catedral que o faria parar. Mesmo conhecendo a tecnica para pousar da maneira mais eficiente de modo a se proteger do impacto, a queda fora de tal magnitude que sobrepujou aquele ato.
    avatar
    Dr. Dimitri Boskonovitch

    Mensagens : 38
    Data de inscrição : 05/11/2015
    Idade : 29

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Dr. Dimitri Boskonovitch em Qua Nov 25, 2015 9:12 am

    Os nanorobos de Kinetic notariam alguns fragmentos de pó organicos em torno daquela tumba; caso conseguisse fazer um carbono-14 perceberia se tratarem de restos em datas muito distantes, incluindo algo aproximado a 4 mil, 3 mil, 2 mil, e mil ano atrás. Talvez conseguisse extrair fragmentos de DNA ainda remanescentes daqueles restos quase fossilizados naquele pó?

    A voz robótica na parede respondia, diante dos hologramas:

    -"Analisando chips...analisando...chips não identificados. Favor inserir os dois chips contendo o Virus Delta."

    Parecia ser um sistema realmente muito, muito especifico. E infelizmente, os nanorobos nao pareciam achar nada de tecnologico ali, além daquela parede e porta metálicas...mas antes que pudese analisar com mais detalhes, o teto era arrebentado por Axle, que literalmente pousava ali. Mesmo com as técnicas, devido ao peso e altura da queda provavelmente suas pernas sofreriam um dano considerável, o que o deixaria mancando bastante ao tentar se reerguer, precisando de reparos imediatos. Axle ainda ouviria aquela voz robótica exigir os dois chips. Era coincidencia demais...talvez era uma recompensa depois de tantos eventos de azar pelos quais o reploid passara. Um homem em trajes do séx. XiX olhava toda aquela cena, sem se importar com os varios cacos de vidro que caiam sobre si causando pequenos e superficiais cortes. Erguia os braços

    -Louvado seja o Senhor, por ter enviado seu mensageiro ao meu pedido!!! - e reunia as mãos, inicando uma oração em agradecimento.
    avatar
    Nova-Kinetic

    Mensagens : 99
    Data de inscrição : 16/10/2015
    Idade : 29
    Localização : NeoCity

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Nova-Kinetic em Qua Nov 25, 2015 2:49 pm

    *Kinetic olhava o computador sorrindo mas meio impaciente e suspirando enquanto ouvia o barulho  puxando o doido do Friedrich para perto de sí fazendo um envolto de proteção telecinética para garantir que estava tudo bem. Olhava erguendo a cabeça vendo Axel pousar igual uma abobora no chão e ria um pouco de leve logo ficando séria calculando a trajetória para tal impacto*

    _ Ele...não voa...merda....ok pequenos coletem o que conseguirem destes restos vamos pedir a pequena para analisar depois.

    *os nanorobos formavam garrafinhas que coletavam os resquicios de dna enquanto ela levava a mão na direção dele pegando-os e colocando no "cinto".*

    _ ele não é um anjo só por que caiu do Céu Friedrich, mas este é uma das pessoas que eu deveria procurar... Friedrich conheça axle...Axle conheca Friedrich ...ele veio de um tempo meio antigo então seja paciente....e você!!!!...me...desculpe...

    *Kinetic aproximava-se dele tocando no peito dele e sorrindo de lado*

    _ Eu deveria ter ido procurar vocês mas acabei topando com demonios aqui e este cara perdido e não pude chegar a tmpo sinto muito....deixe-me te ajudar agora....

    *Kinetic suspirava enquanto olhava para os nanorobos e olhava para Axle*

    _...Serão reparos simples que eu conseguirei fazer...permite que eu lhe ajude? Eu ...não posso curar como ela...mas posso ajudar um pouco até ela despertar....

    *Parecia incomodada com a situação. Ela aguardaria a permissão para inserir os nano robos no reploid que iniciariam reparos simples, afinal de coontas não era Nova e só conseguia pedir para eles fazerem o possível, nova tinha habilidade de cura e recuperação...Kinetic não.*

    _ E como você veio voando desta distância...os outros estão ok?
    avatar
    Axle The Red

    Mensagens : 152
    Data de inscrição : 16/10/2015

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Axle The Red em Qui Nov 26, 2015 12:53 pm

    Axle havia atravessado a parede com tudo, deixando um buraco para trás. O freio naquele caso teve que ser o proprio corpo, uma opção nunca agradavel. Em meio aos tijolos caindo e a poeira crescente, um movimento sutil se deu, pertubando a cortina de particulas que dançavam no ar. Com dificuldade se levantava, o verde de sua armadura agora coberto de bege, cinza e laranja do pó que ajudara a criar. Sentia profudamente o resultado de sua queda. Toda sua estrutura estava abalada, mas principalmente as pernas e o tronco, que sofreram fissuram externas e internas que fragilizaram sua estabilidade.

    Os braços ergueram o tronco do chão o bastante para o pé direito se apoiar no chão. Ficou naquela posição por um minutos, como se tomasse folego, para então forçar a perna e erguer todo o corpo. Sua postura não estava complemente ereta, estava meio curvo para frente e para lado, quando começou a investigar o lugar onde estava. A primeira coisa que viu foi o homem no altar, rezando sobre alguma coisa ignorando completamente a sua chegada. Sorte dele não estar no caminho da queda, ou o acidente teria sido muito pior para ele. Tambem havia uma mulher ali, que lhe era bastante familiar

    -...espere...Nova ?! O que esta fazendo aqui ?!

    Não conseguia prestar atenção no console que pedia os chips. A supresa com Nova ali e a preocupação com os quatro deixados para trás agora lhe tomavam a mente. Balançou a cabeça quando ouviu ela apresentar o humano ali

    - ...o que...? Friedrich... ? Ah, o nome dele

    Pôs a mão na cabeça tentando se reestabelecer quando sentiu o toque da garota em seu peito. Como se afetado por um feitiço de lentidão, Axle ergueu a cabeça bem devagar até encontrar os olhos dela.

    - Você...veio nos resgatar...sozinha ? Não há porque pedir desculpas, você deveria ter ajuda de alguem mais....e essa cidade maluca joga as pessoas de um lado para o outro sem nenhum aviso...

    Falava de si mesmo

    - Ajudar....ajudar...permissão para ajudar...Nova ! Precisamos voltar para a boate ! Artemia, Tetsuya e os outros estão encarando uma criatura perigosa. Fui arremesado para cá....estou bem, mas precisamos ajuda-los !

    Era evidente que não estava bem a muito tempo, mas continuava a recusar a ajuda para ser consertado. Sempre havia algo mais importante que ele mesmo, que o fazia continuar sem descanso.

    - Venha conosco se estiver perdido Friedrich, mas temos que voltar agora.


    Virava a cabeça de um lado para o outro, cambaleando em busca de uma saida para as ruas.

    avatar
    Dr. Dimitri Boskonovitch

    Mensagens : 38
    Data de inscrição : 05/11/2015
    Idade : 29

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Dr. Dimitri Boskonovitch em Qui Nov 26, 2015 3:31 pm

    O rapaz observava Axle por algum tempo se recuperar da queda. Aquelas peças metálicas....talvez fosse uma armadura celestial? Ele por sua vez trajava roupas caracteristicos do século XIX, embora um colarinho branco pudesse ser visto por debaixo daqueles trajes. Parecia ser uma espécie de padre ou algo do tipo, aparentemente humano, embora os olhos de iris arroxeada, brilhando em pulsos ocasionamente sugerissem outra coisa.

    -Ó mensageiro divino, receber-te-vos-emos com a glória do Senhor! mas....que houve com tuas asas? A descida do Paraíso é de fato traumática....!

    Ele dizia com certo espanto, observando melhor o estado horrivel de Axle. Ouvia-o com atenção, e gesticulava em afirmação.

    -Todos estes nomes....seriam anjos de tua hoste? que horror estais a batalhar, e como posso servir ao mensageiro divino? Fazei de mim tua arma para apontares contra as crias da Lucifer!

    Ele dizia, curvando-se para frente com uma enorme reverencia. Estava claro que nao sabia o que era um reploid, e na verdade parecia achar que Axle fosse um anjo enviado por Deus.A voz robótica na parede continuava a dizer, repetidamente.

    "Projeto Virus Delta ativado; favor inserir os dois chips da tríade para ter acesso ao laboratório. Caso esteja experimentando dificuldades, favor comparecer ao setor de RHTI para redquirir acesso ou autorização junto ao lider do projeto."

    O rapaz olhava na direção da porta, e parecia deduzir o que estava acontecendo. Voltou a ajoelhar-se, abaixando a cabeça, apoiando as duas maos nos joelhos.

    -Ó enviado de Deus, a mensagem que tens para nós é esta? como poderemos ser dignos de adentrar no santo templo de Laboratório, como tu o queres de nós? Onde poderemos sublevar nossas orações para o setor RHTI?
    avatar
    Nova-Kinetic

    Mensagens : 99
    Data de inscrição : 16/10/2015
    Idade : 29
    Localização : NeoCity

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Nova-Kinetic em Sex Nov 27, 2015 10:21 am

    *Cerrando os olhos para ele e erguendo-se flutuando no ar cruzando os braços aprisionando-o com telecinese forçando-o a se sentar ela respirava fundo e seu sorriso sumia. Talvez a primeira vez que alguém veria Kinetic com uma feição séria. Não era comum dela, mas ela estava irritada com a situação. Um rezando de um lado e o outro teimoso de outro.*

    _ você não vai a lugar algum! Preta atenção nas suas palavras, e peço=lhe desculpas para a minhas! Olha seu estado você acha que por acaso vai ser de alguma ajuda todo avariado?! Você precisa de reparo urgente e você irá atrapalhar se for neste estado. Sim você quer ajudar assim como eu. Ótimo, mas sem ser concertado você não vai!E ponto final! agora pode ficar aqui por 100 anos esperando alguém vir com ferramentas ou pode me deixar te ajudar!

    *Respirava fundo terminando de falar e virava para o computador*

    _ PARA DE PEDIR ESSES CHIPS EU NÃO TENHO CHIP DESSE PROJETO DELTA!

    *Kinetic tinha os cabelos flutuando e uma aura avermelhada ao redor dela Que ia sumindo aos poucos quando ela olhava para os nanorobos que circulavam ao redor dela neste momento.*

    _..ah...hah...aham...d..desculpe...droga....vocês me viram brava >< Desculpe _

    *mexia nos cabelos um pouco enquanto corava sem graça por sua reação um tanto quanto Materna até. E chegava até Friedrich*

    _... Ok vamos tentar ver se você entende. Ele é um aliado, não precisa louvá-lo como um anjo e tal. Ele se chama Axle chame-o assim é melhor. e esta mensagem está imbutida em um computador. Computadores são máquinas que conseguem resolver problemas. Ela são como uma criança que você ensina e insere conhecimentos...por assim dizer...>< Ok deixa a Nova te explicar isso depois ok..._

    *suspira voltando-se para Axle colocando a mão na face dele*

    _ Desculpe por ter gritado. Mas...me deixe ajudar pelo menos agora. E assim que possível vamos resgatar todo mundo sim. E sim eu vim sozinha pq não achei que precisaria de mais ninguém...OK? Posso te ajudar agora ou vou ter que montar em cima de você e te obrigar?_

    *sorria gentil piscando o olho aproximando-se da face dele*
    avatar
    Axle The Red

    Mensagens : 152
    Data de inscrição : 16/10/2015

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Axle The Red em Sab Nov 28, 2015 8:19 am

    Quando mais o rapaz falava, mais perdido Axle se sentia.

    - O que ? Asas ? Hoste ? Lucifer ? Do que é que....

    A conversa de Friedrich era tão distante do que tinha em foco na mente que precisou de um tempo maior para processar o significado das palavras. Uma analise rapida em suas roupas confirmava o que Nova havia dito antes. Aquele rapaz tinha vindo de uma epoca antiga, ou achava que estava nela por algum problema mental. O colarinho branco o fez lembrar de algumas referencia de sacerdotes que tambem o usavam. Por isso o linguajar rebuscado cheio de termos religiosos. Mas contrariando sua aparencia, a tonalidade de seus olhos não era comum para humanos. Havia algo a mais nele.

    -Ahn...creio que...


    Sentiu então uma força invisivel agir em seu corpo, tentando obriga-lo a sentar. Não era o padre que parecia estar fazendo aquilo, então buscou com o olhar na sala algum inimigo escondido. Qual foi a surpresa ao descobrir que era Nova a fazer aquilo. Será que tinha finalmente sido tomada por uma personalidade maligna ? Axle usou naquele momento toda a sua força fisica, sobrepujando a energia telecinetica, mantendo-se de pe. Sentiu que algumas articulações rangeram quando o esforço exigiu tanto, mas era um momento de necessidade. Não havia outra escolha.

    - Nova...

    Quando falou o motivo daquele ato foi exclarecido. Ela não desejava lhe fazer mal, mas força-lo a aguardar por reparos. Ela agressivamente impunha sua preocupação, mas não era hora para aquilo

    - Você não entendeu Nova. NÃO HA TEMPO NENHUM ! Eles estão sendo atacados nesse momento, podem morrer a qualquer instante ! Não temos um segundo disponivel, e você esta me atrasando ainda mais ! Se não quisser ir, fique aqui com o rapaz, mas não me impeça de salva-los !

    Logo depois parecia ter se acalmado e voltado a uma personalidade mais calma, talvez até mais doce. Foi ai que finalmente conseguiu notar a voz do console se repetindo. Chips para o Virus Delta ! Sabia o que era aquilo, mas infelizmente não podia explorar a ideia naquele momento. De repente uma mão repousou em sua face. Com um olhar de suspeita, Axle olhou para a mão, seguindo o braço até chegar o rosto da garota. Sua expressão ainda tinha a calma de antes. Segurou então gentilmente a mão em seu rosto, cobrindo com ambas as palmas do reploid.

    - Temos que ajuda-los imediatamente ou pode não haver ninguem para salvar. Se quer realmente ajudar, venha comigo. Sei do que se trata esses chips, mas temos que deixar isso para depois


    A piscadela e a aproximação era algo que o deixavam confuso, não entendia o porque deles. Refletiu por alguns segundos sobre a ultima sugestão dela e disse

    - Sim, monte em mim !

    Inocentemente tinha entendido que ela queria montar em suas costas para que pudesse ser carregada com mais velocidade, sem se dar conta do teor erotico que a mesma frase poderia passava.

    - Venha tambem Friedrich, há pessoas que precisam de resgate. Depois poderemos adentrar o....setor....RHTI.....

    avatar
    Dr. Dimitri Boskonovitch

    Mensagens : 38
    Data de inscrição : 05/11/2015
    Idade : 29

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Dr. Dimitri Boskonovitch em Sab Nov 28, 2015 10:25 am

    O homem observava atento ao que o reploid dizia e fazia. Parecia ter pressa em salvar alguem - como um anjo a tocar a trombeta, anunciando a salvação aos escolhidos! A cada segundo ficava mais e mais claro ao antiquado rapaz o que era e o que deveria ser feito. Levou a mão ao queixo, sério, pensativo, analisando-o de cima à baixo.

    -Ó mensageiro, porque não aguardais tua recuperação nestes aposentos? Pareceis exausto e danificado para agires...Seguiremos nós o chamado divino, e purgaremos teus inimigos!

    Dizia com convicção, fechando o punho, enquanto olhava Axle. Friedrich era ou um esquizofrenico, ou alguem realmente completamente fora de seu tempo; de qualquer forma, não era lá muito prudente confiar nele por enquanto, poderia ser tão instável quanto as alterações de personalidade de Nova-Kinetic.

    A voz robótica vinda da parece logo iniciou, desta vez de forma mais agressiva.

    "Chips do Projeto Delta não inseridos dentro do período de identificação após inicialização do sistema. Iniciando protocolo de neutralização de intrusos. Enviando mensagem ao sistema de segurança. Caso seja identificado como pesquisador ou staff, ignore esta mensagem e aguarde calmamente a chegada da equipe de segurança. Iniciando bloqueio de ambiente."

    Quase que imediatamente à nova voz, as plantas que até então cobriam apenas o teto e paredes pareciam reagir violentamente, entrecruzando-se como uma malha rígida, passando a cobrir e fechar o buraco no teto por onde Axle entrara, as paredes, portas, e começaria a tomar o chão também. Em seu rápido processo de expansão, possivelmente poderia derruba-los no chão caso nao saíssem da frente ou saltassem.Apenas a parede metálica estaria livre das plantas dentro de muito em breve.

    E foi exatamente o que Friedrich fez; tão logo saltou, cerca de 5 lanças se formaram abaixo de si, como se brotassem de seus pés após uma rajada de um relampago vermelho descer pelas pernas. As lanças perfuraram as plantas que tomariam o chão, mas imediatamente mais cresceram em seu lugar, como se num processo de crescimento vegetal muito acelerado. Nanorobos pegos no processo seriam "engolidos" pelas plantas e imobilizados.
    avatar
    Nova-Kinetic

    Mensagens : 99
    Data de inscrição : 16/10/2015
    Idade : 29
    Localização : NeoCity

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Nova-Kinetic em Seg Nov 30, 2015 1:42 pm

    *Kinetic olhava para Axle e sentia ele se livrar de sua telecinese e ao mesmo tempo mais partes serem danificadas suspirando enquanto ele ouvia os outros gritarem. Será que ele não confiava na força dos outros? Eles saberiam se virar eram grandinhos. que necessidade de salvar todo mundo ele tinha. Ela suspirava e olhava para ele enquanto falava.*

    _ Tá... ok...vamos ajudá-los. Eu te remendo no caminho a medida do possível. Vou fazer apenas enxerto por assim dizer para que você não fique mancando no meio de uma batalha!_

    *Nova suspirava enquanto uma massa negra e vermelha seguia em direção a Axle para preencher os buracos e formar partes que estivessem um pouco ausentes ou danificadas para melhorar a estabilidade dele enquanto ouvia ele dizer para ela montar nele.*

    _ Vocês meninos são realmente inocentes nesta questão não é...?...Eu gosto disso...

    *Ela sorria de lado enquanto ouvia Friedrich Chamando Axle de mensageiro Divino. Ela ia retrucar informando DE NOVO que ele não era divino porém escutava a mensagem*

    _ Ai merda!.... Axle vê se não resisiste desta vez deixa eu te puxar  para cima ok, afinal de contas você não voa?! Por favorzinho Se resistir vai me machucar então deixa eu te ajudar só sair daqui ok?^^

    *Kinetic respirava fundo enquanto uma gota de suor escorria e abraçava Axle pela cintura sorrindo para ele piscando Enquanto seus olhos brilhavam em verde e seus cabelos oscilavam, caso ele não resistisse, tentaria levitar os dois, porem notaria o peso descomunal que mão havia contado com ele. Ela respira fundo e Levita axle para fora das plantas ao mesmo tempo que tira um gancho de parede da roupa e lança para a parede mais proxima sem plantas se grudando nele e se puxando enquanto mantinha a levitassão. Kinetic Suava mantendo Axle fora de perigo por um tempo. Gritava para Friedrich. Os nanorobos o máximo que conseguiu trazer ela trouxe, mas alguns seriam perdidos. Notava que eles seriam imobilizados e ordenava a debandada deles em um protocolo de segurança para eles mesmos. E quando possível retornar ao seu dono.*

    _Jogue uma lança e use-a para se apoiar na parte perto do grande treco de metal! PERTO MAS NÃO NELE ENTENDEU? Axle se você sabe o que são esses chips é melhor mexer com isso agora ou não teremos como sair mais. Eu te levo no painel okk?_

    *O levaria caso o mesmo estivesse de acordo*
    avatar
    Axle The Red

    Mensagens : 152
    Data de inscrição : 16/10/2015

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Axle The Red em Ter Dez 01, 2015 11:34 am

    Axle virou a cabeça para Friedrich, com uma "sombrancelha" levantada em sinal de incredulidade. O padre ainda achava que ele era um anjo com aquela aparencia dele ! Mesmo depois de Nova ter lhe explicado repetidamente a situação. Parecia que não adiantava argumentar sobre aquele tema com o homem. Apos elaborar uma linha de pensamento similar a Friedrich, falou

    - Minha chagas nada se comparar ao sofrimentos daqueles sob meus cuidados, caro servo do Senhor. Minha é a responsabilidade de levar a salvação a eles, pois essa é a minha missão.

    Se sentia estranho falando daquela maneira, mas provavelmente o maluco entenderia melhor agora a mensagem. Quando se virou de volta para Nova viu uma massa estranha e bicolorida se movendo na direção dele, agregando em seu corpo de maneira automata. Supos que seria um enxame de nanorobos ao seu comando. Axle olhou muito atento onde cada pedaço se depositava em sua estrutura. Era bem claro que não gostava muito de ter nanorobos em seu sistema.

    - Inocente sobre o que...? Gosta...?

    Realmente não tinha a menor noção do que ela se referia, demonstrando involuntariamente sua inocencia. Foi ai que a ameaça automatica foi detectada e com surpresa viu as plantas crescerem e se moverem a uma velocidade anormal. Era como se tivesse voltado no tempo, e as plantas fizesse coisas extraordinarias ao seu comando. Mas naquele momento não era ele quem fazia aquilo. Seu punho direito estava agarrado ao seu sabre laser, mas não conseguia liga-lo. Não conseguia ferir aquelas plantas, elas eram como sua familia. Estava assustado, não sabia o que fazer para deter aquela ameaça, e por isso não sabia como ajudar os garotos na boate.

    Quando Nova ofereceu ajuda, Axle consentiu com a cabeça visivelmente abalado, deixando que ela se abraçasse a ele e levitasse juntos. O cabo da arma foi de volta para a cintura, não conseguiria fazer aquilo. Sua mão sumiu por um instante, entrando dentro do proprio pulso, e ao reaparecer carregava os dois chips

    - Leve-me...essa porta deve abrir com esses chips...vamos sair daqui logo

    A voz confiante de antes tinha minguado em uma estranha fragilidade
    avatar
    Dr. Dimitri Boskonovitch

    Mensagens : 38
    Data de inscrição : 05/11/2015
    Idade : 29

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Dr. Dimitri Boskonovitch em Ter Dez 01, 2015 4:00 pm

    O padre fizera o que a garota lhe dissera; e logo uma lança larga era formada a partir de sua perna, desgarrando-se e cravando logo abaixo da porta, numa parte metálica intocada pelas plantas, que tambem nao interferiria em sua abertura. A lança ficaria diagonalizada, de forma que tambem nao obstruiria Axle com o proprio corpo, e tao logo a telecinese lhe deixasse ali, o rapaz ficaria em perfeito equilibrio sobre a lança. Finalmente respondia-a, agora que as coisas haviam "tranquilizado".

    -Também agrada-me a inocencia...A inocencia é uma virtude proclamada por Yahweh!

    O rapaz dizia, curvando a cabeça em reverencia ao nome, e voltava-se a Axle.

    -Então trazer-lhe-emos o reino dos céus, aos justos e inocentes, e com ele a graça de tua salvação, mensageiro celestial!....AH! As chaves dos portões do sagrado templo de RHTI!!

    Ele observava Axle retrair a mão e retirar os dois chips; o formato unico, de algo que nao existia em sua epoca tornava aquilo ainda mais mistico ao pobre e antiquado rapaz, que falava tudo com seriedade e realmente acreditada em tudo aquilo. Se Axle era apenas inocente, Friedrich era inocente tendendo ao radicalismo somado a uma ingenuidade. Ainda assim era estranho como armas pareciam brotar de seu corpo daquela forma.

    As plantas por sua vez entrelaçavam-se lentamente, como serpentes, como se cada folha tivesse vida e consciencia própria. Observando mais atentamente, Axle notaria pequenos circuitos nas estruturas vegetais.Era tão...familiar, e ao mesmo tempo tão avançado! não era simplesmente peças metalicas aglomeradas para se assemelharem a plantas.

    Fios concorriam com xilema e eletricidade era conduzida dentro do floema, como se aquilo fosse uma simbiose perfeita entre máquina e planta, num nivel ainda mais sutil, microscopico que mesmo Axle. Provavelmente aquele era o sonho concretizado do planejamento inicial idealizado pelo criador do reploid, e ironicamente apenas conquistado quando ja nao havia restos de humanidade para aproveitar de tal tecnologia. Quantos circuidos biossinteticos poderiam ter sido usados? como a humanidade poderia ter prosperado com energia solar usando daquela tecnologia, fruto da união de milhoes de anos de evolução e o ápice do conhecimento cientifico? Era realmente quase um pecado sequer arrancar uma folha daquelas.
    avatar
    Nova-Kinetic

    Mensagens : 99
    Data de inscrição : 16/10/2015
    Idade : 29
    Localização : NeoCity

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Nova-Kinetic em Qua Dez 02, 2015 2:15 pm

    *Kinetic se Segurava no gancho que sustentava o seu corpo enquanto todo o mesmo brilhava em verde sustentando o peso de Axle. Gotas de Suor escorriam de sua face pingando um pouco no chão. Não estava Fácil para ela, e tão logo fosse resolvido iri pedir colo literalmente para alguém. Seu corpo estava chegando no seu limite. A privação de sono interferia em suas habilidades.Ela respirava Fundo escutando Axle e vendo-o não querer ferir as plantas olhando as mesmas.*

    _...Seria um estágio mais avançado dele?..._

    *Kinetic respirava fundo com a mão tremendo na corrente se sustentandoenquanto guiava o corpo de Axle até o painel sem que o mesmo tocasse as plantas e o chão*

    _ Friedrich...eu..já disse aqui não tem nada de ....ai deixa para lá....só me faz um favor. Imagina que se todos os demonios daqui descobrirem que ele é um ser sagrado ele terá problemas. E você como um bendito servo do senhor não quer criar problemas para as criaturas iluminaas então chama ele de Axle e auxilie-o em seu disfarce. Por assim dizer ok?...

    *Fala com um sorriso de lado. Talvez eles notassem o esforço descomunal que ela estava fazendo, ou talvez não. Não sabia como era a percepção dos dois. Porém tentava ao máximo disfarçar. A guiada de Axle até o painel foi lenta, algo incomum de Kinetic Fazer, pparecia de fato estar muito difícil para ela.*

    _ Vamos lá você consegue....só mais um pouquinho...depois você se desativa e ficará tudo bem...mas no momento você não pode aguenta aí..._

    *Ela Mechia com a mão e uma massa de nanorobos formavam uma " cola " do braço dela no gancho para conseguir segurar ela mais. Obviamente ela ficaria com o braço dolorido por um bom tempo por causa do esforço, mas isso garantiria que ela não cairia. Os nano robos piscavam de leve algumas luzes azuis claras. Que Ela sabia o que indicavam Sobrecarga no "sistema" de seu corpo*

    _ tá tá tá já sei...mas não dá para desligar agora dá?...então não fica me lembrando disso.
    avatar
    Axle The Red

    Mensagens : 152
    Data de inscrição : 16/10/2015

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Axle The Red em Qua Dez 02, 2015 5:31 pm

    Algo se movendo no canto de sua visão, vinda do absoluto nada. Ao olhar para aquilo, viu pela primeira vez Friedrich usando seu poder. Ele conjurava armas expontaneamente, tão facil que nem precisava se esforçar para aquilo. As iris roxas agora tinham o minimo de justificativa. Pelo modo como se equilibrava, tambem não era um incapaz. O padre era um combatente treinado. Não precisariam se preocupar o tempo todo em protege-lo.

    - Assim que os portões forem abertos, entre imediatamente Friedrich !

    Axle sentia algo diferente com o passar dos segundo em Nova. Talvez um leve tremer nos musculos, ou gotas de suor. Por aquele pequenos detalhes que via, sabia o que aquilo significava. Era a exaustão por segurar uma carga tão pesada: Red. Ela não conseguia levanta-lo tão facilmente quanto dava a entender, e isso o deixou alarmado. Não viera ate ali so para por outra aliada em problemas.

    - Aguente firme Nova, so mais um pouco e você estara livre de mim...

    Não entendia com quem ela falava as outras frases, ou sobre o que estava falando. Enquanto a garota levava o reploid até o painel, pode admirar aquelas plantas. Como os humanos conseguiram aquilo ? Em seu tempo, a fusão de planta e vegetal era grosseira, embora eficiente. Axle conseguira ao longo do tempo transformar parte da floresta em uma mescla herbometalica com seus poderes, mas o que fizera era diferente do que estava vendo ali. Não entendia conscientemente muito sobre tecnologia, mas o que viu ali ele entendeu bem. Plantas modificadas que recebiam ordens. E não eram as dele. Isso o assustava mais do que gostaria.

    Assim que chegou perto do painel esticou o braço o maximo que conseguiu e inseriu os dois chips que possuia no painel. Esperava que aquilo fosse o suficiente para abrir aquela porta e livrar os outros dois daquela armadilha.

    Conteúdo patrocinado

    Re: Catedral de Arthrahasis

    Mensagem  Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Ter Nov 21, 2017 5:46 pm